Concebido por acaso na Terra

Hoje a prosa é boa! Envolve um disco gostoso de ouvir, com onze faixas que demonstram um pouco das poéticas e sensibilidades da banda Blend 87, formada por Bruna Marlière (vocal), Nathan Itaborahy (bateria), Douglas Poerner (baixo), Renato da Lapa (violão, guitarra) e Vinicius Steinbach (teclados). Antes de falarmos do álbum, a gente vai dar um pulo pra trás, aterrissando em 2012, ano em que os músicos que formariam a banda se juntam pela primeira vez para gravar “There’s a place” em um projeto de homenagem aos Beatles. A banda se formou e seguiu trabalhando junta, unindo as diferentes bagagens musicais de cada integrante que da corpo a Blend 87.

Juiz de Fora não deixa por menos e segue nos surpreendendo, mostrando que como a cena musical local se solidifica a cada dia e em 2017, a gente teve mais uma vez a confirmação com o lançamento do álbum de estreia da banda, intitulado “Concebido por acaso na Terra”. O disco combina ritmos brasileiros, jazz e influências do rock que dão vida a onze canções marcantes. O projeto foi viabilizado pele Lei Murilo Mendes e a gravação do disco durou seis dias. O processo de imersão na própria música aconteceu no Estúdio Versão Acústica, localizada na cidade de São João Nepomuceno e permitiu que os integrantes da banda se aprofundassem mais em suas canções. O disco também está disponível em todas as plataformas digital. Então, já aproveita pra dar o play e conferir esse trabalho lindo!

o-gibra-indica-azul-correto

  • Tags: